Tamanho Do Pênis
jun09

Tamanho Do Pênis

 tamanho do pênis pode ser a maior causa de ansiedade para os homens jovens e velhos.  Qual é o tamanho médio do pênis? Posso aumentar o tamanho do meu pênis? A preocupação com o tamanho do pênis é comum entre os homens. Essa ansiedade pode ocorrer na infância, na adolescência ou na fase adulta. Os meninos freqüentemente comparam o tamanho de seus pênis com os dos outros, o que chega a virar brincadeiras e piadas com as comparações. Entretanto a situação muda quando há início da atividade sexual. O que acontece muitas vezes, são alguns homens preocupar-se com o tamanho do pênis quase sempre de forma errada. Essa situação é muito comum e na maioria das vezes sem fundamento médico. Esses pacientes reclamam do comprimento do órgão mesmo com ereção e penetração vaginal normais. Muitos homens, embora com pênis de tamanho normal, o acham pequeno por várias razões: Pacientes obesos reclamam ter pênis pequeno (O embutimento do pênis em meio à gordura sobre o púbis, dá a impressão de um orgão pequeno); Estatura alta e pênis não proporcional; Flácidez peniana e ereção  O que é um pênis normal? Um pênis flácido mede de 5 cm a 10 cm de comprimento, o tamanho durante a flacidez não determina o tamanho durante a ereção. A medida é feita desde o ponto em que ele se encontra com o corpo (não com a pele) até a extremidade da glande. Masters e Johnson (1966) verificaram que o pênis em ereção mede de 12,5 cm a 17,5 cm. Um recém-nascido apresenta um comprimento médio de 3,75 cm. O que é um micropênis? Micropênis, também conhecido como microphallus, é um pênis que é de 2,5 cm desvios padrão abaixo da média, comprimento do pênis esticado com menos de 1,9 centímetros (3 / 4 polegadas) pode ser descrito como um micropênis. Estatisticamente, micropênis ocorre em 0,6% da população. O que é um pênis pequeno? Um pênis flácido menor que 4cm ou um ereto com menos de 7,5 cm devem ser considerados pequenos. Entretanto, encontramos pacientes que se aproximam dessas medidas mas com boa ereção e sem queixas no seu relacionamento sexual. Quais as causas de pênis pequeno? Causas hormonais por desordem de funcionamento dos testículos ou da hipófise podem interferir no desenvolvimento do pênis bem como de toda a genitália masculina. O pênis pode ficar pequeno em conseqüência de traumatismos, queimaduras ou doenças adquiridas (doença de Peyronie). Geralmente essas causas são raras. Tratamento O paciente deve ser examinado detalhadamente, incluindo volume e presença dos testículos, presença e localização de pêlos pubianos e outros caracteres sexuais secundários. Se o pênis for considerado de tamanho normal pelo médico, o paciente necessitará de uma avaliação por um sexólogo,...

Read More
Impotência Sexual
jun09

Impotência Sexual

A impotência sexual conhecida como disfunção erétil (DE), ou às vezes dificuldades de ereção, ocorre quando os homens são incapazes de alcançar ou manter uma ereção adequada para relação sexual. Sintomas da impotência sexual Um homem pode achar que ele é incapaz de conseguir uma ereção, ou que ele não pode sustentar a ereção o tempo suficiente para o intercurso sexual. Homens com disfunção erétil podem sentir raiva ou culpa, e ficar deprimido. Muitos perdem o interesse em sexo e relacionamentos sofrem frequentemente. Causas da Impotência sexual Acredita-se que 70 por cento dos casos tem causas físicas e 30 por cento causas psicológicas. No entanto, muitas vezes existem razões físicas e psicológicas para a condição. A maioria dos homens têm uma experiência em algum momento de suas vidas, quando não conseguem alcançar ou manter uma ereção, como resultado de fadiga, estresse ou consumo excessivo de álcool. Entre os homens mais jovens, ED é frequentemente causada por ansiedade – apenas sobre sexo, agradar o seu parceiro ou de  grávidar a parceira. No esforço de meia idade, excesso de trabalho e cansaço, muitas vezes desempenham um papel. Entre os homens mais velhos, as causas físicas se tornam mais comuns.  Estes incluem diabetes tireóide ou problemas renais, pressão arterial alta, danos aos nervos ou vasos sanguíneos, cirurgia pélvica ou trauma, tabagismo pesado e os efeitos colaterais da medicação. No entanto, uma das causas mais comuns é a aterosclerose – danos aos vasos sanguíneos pequenos que controlam a oferta de sangue para o pênis. Na verdade, os pesquisadores advertiram que a disfunção erétil pode ser um aviso prévio de aterosclerose generalizada que pode levar dentro de um par de anos a um ataque cardíaco. Problemas psicológicos também podem ser relevantes no ED, e incluem depressão, problemas  de relacionamento e preocupações. Os tratamentos para impotência sexual   O tratamento depende da causa subjacente. O primeiro passo é conversar com alguém que entenda o problema, como o seu médico ou um especialista devidamente qualificado. Eles vão ajudar a verificar se há causas físicas, aconselhar sobre tratamentos e encaminhá-lo a um terapeuta adequado, se necessário. Pode também ajudar a falar com seu parceiro sobre o problema, e aconselhamento sexual pode ser uma opção. Na última década, novos medicamentos por via oral (comprimidos), que ajudam o homem a conseguir uma ereção, melhoraram radicalmente o tratamento da disfunção erétil. Essas drogas funcionam para a maioria dos homens afetados, independentemente da causa. Mas eles podem causar efeitos colaterais importantes. Assim, outros tratamentos ainda têm um lugar – que incluem ajudas mecânicas, tais como bombas de vácuo ou implantes penianos, e medicamentos como a terapia intra-uretral pelota e injeções no pênis. Seu médico deve ser capaz de ajudá-lo...

Read More
Conheça Alguns Alimentos Para Aumentar O Desejo Sexual
mar22

Conheça Alguns Alimentos Para Aumentar O Desejo Sexual

Em se tratando de aumentar o desejo sexual, informções e dicas importantes são sempre bem vindas. O sexo não é mais importante no relacionamento, mas é fundamental. Tratar sobre esse assunto com o parceira ou parceiro, possibilita conhecerem-se melhor e manter a relação equilibrada e saudável. Conheça alguns alimentos que segundo estudos, ajudam aumentar o desejo sexual.  Açafrão: A especiaria vermelho-alaranjada foi relacionada ao aumento dos batimentos cardíacos e do suor, sinais de excitação sexual; Alho: Usado contra a obstrução dos vasos, pode ajudar a melhorar o fluxo do sangue e a prolongar a ereção. Devido ao aumento da circulação, há a possibilidade de aumentar a lubrificação da mulher; Aspargo: Considerado afrodisíaco por conter vitamina B3 (promove dilatação dos vasos sanguíneos), pode ter a capacidade de prolongar a ereção e aumentar a lubrificação da mulher; Banana: Rica em magnésio, a fruta é importante por promover a vasodilatação e aumentar o desempenho sexual, além de auxiliar na produção de serotonina, que provoca a sensação de felicidade; Café: Por ser rico em cafeína, possui interessante ação estimulante. Pessoas hipertensas devem consumi-lo moderadamente, com a orientação de um nutricionista; Chocolate: Além de possuir propriedades estimulantes, o chocolate aumenta a produção de serotonina, que dá sensação de prazer e felicidade. Esses efeitos têm sido relacionados com a presença da feniletilamina, que é capaz de estimular o hipotálamo, induzindo a sensações agradáveis; Especiarias: O cravo, a noz moscada, o ginseng, a canela e a mostarda, por exemplo, podem provocar o aumento da secreção de lubrificante vaginal e da produção de testosterona no homem; Frutos do mar: Os alimentos vindos do mar, principalmente as ostras, são ricos em zinco. O mineral tem importante função na fabricação de secreções, como a da lubrificação feminina. Além disso, ajuda no tratamento de infertilidade do homem, por aumentar a contagem e a mobilidade dos espermatozóides; Guaraná: Conta com substâncias estimulantes, em particular a cafeína, assim como grande quantidade de taninos. Pela presença de xantinas, atua sobre a circulação (vasodilatação) e também no sistema nervoso central, levando a uma liberação espontânea prolongada de calor, tanto no homem quanto na mulher; Gengibre: Devido à sua ação estimulante do sangue, a raiz pode ajudar a prolongar a função erétil e a estimular a lubrificação feminina; Maca peruana: Conhecida também como Ginseng dos Andes ou Viagra dos Incas, pode melhorar o fluxo sanguíneo na zona pélvica de homens e mulheres. Há indícios de possuir a capacidade de promover a mobilidade dos espermatozóides e do volume seminal, auxiliando no tratamento de infertilidade; Oleaginosas: A arginina e a vitamina B3 presente nessas frutas (como castanhas, nozes, amêndoas e avelãs) promovem a vasodilatação, o que aumentaria...

Read More
Dicas Para Mulheres – Como Aumentar A Libido
mar22

Dicas Para Mulheres – Como Aumentar A Libido

Falta de apatite sexual, tem sido um grande problema na vida de algumas mulheres. Mas esse é um problema que tem solução, então não fique desanimada, recorrendo a alternativas para aumentar a libido. A inibição do desejo sexual, constitui a falta ou diminuição da motivação para a busca do sexo, fazendo com que a pessoa não tenha vontade de manter relações sexuais. Alguns sintomas podem ser devido a: Problemas no casamento (brigas e desentendimentos); Falta de intimidade; Falta de conhecimento do próprio corpo e do parceiro; Tabus sobre sexo; Inibições decorrentes de traumas (como abuso sexual, estupro); Doenças, por problemas hormonais ou pelo uso de determinadas drogas; Quantidade reduzida de lubrificação vaginal. Muito se ouve falar que comidas afrodisíacas para aumentar o apetite sexual, especialistas afirmam que muitos estudos já foram e estão sendo feito a respeito do assunto. Segundo pesquisas, certos alimentos, podem exercer diversas ações no metabolismo, como aumentar a circulação sanguínea, atuar no sistema nervoso central e aumentar a produção de hormônios sexuais, para aumentar a libido, trazendo sensações de prazer e lubrificação vaginal. Também existe a possibilidade de o aspecto e o aroma somar pontos na hora dos contorcionismos na cama, Frutas com perfume doce, por exemplo, podem influenciar no desejo, despertando sensações que interferem na liberação de certos hormônios sexuais. Existe também tratamentos com produtos naturais para as mulheres que desejam aumentar a libido. Produtos como Diva, Eliax, entre outros, tem tornado muitas mulheres satisfeitas com o...

Read More
Para Se Ter Uma Vida Sexual Saudável E Prazerosa
mar22

Para Se Ter Uma Vida Sexual Saudável E Prazerosa

Muito tem se falado sobre sexo, mais falar sobre esse assunto entre algumas pessoas, ainda é considerado um tabú. A falta de informação e conhecimento do próprio corpo, acaba por ser muitas vezes, problema e frustração na vida sexual. A verdade é que sexo não se nasce sabendo, é preciso aprender. Para se ter uma vida sexual e prazerosa é preciso antes de tudo: Saber reagir aos estímulos sexuais; Conhecer quais as partes do corpo mais sensíveis ao toque; Como “tirar” mais prazer seu e do parceiro; Prorrogar o máximo o climax; Não focalizar a atenção somente no orgasmo mas, também nas sensações. Iniciar um envolvimento sexual ansiando logo pelo prazer final, há uma grande probabilidade de haver, cedo ou tarde, alguma forma de frustração, sua e/ou de seu parceiro. Na vida sexual, o diálogo é fundamental, trocar informações para que ocorra boas sensações. As preliminares são importantes para que ocorra o máximo de prazer, troca de carícias estimulam ainda mais. Não tenha medo ou vergonha, entreguesse totalmente ao...

Read More